Direito Corporativo Trabalhista Tributário | Escritório de Advocacia em Campinas - De Paula Santos.Direito Corporativo Trabalhista Tributário | Escritório de Advocacia - De Paula Santos.

Serviços Corporativos


Áreas de Atuação


Profissionais


Estrutura


Contato


Trabalhe Conosco


Artigos


ACESSO RESTRITO


Direito Corporativo Trabalhista Tributário | Escritório de Advocacia em Campinas - De Paula Santos.


MP 651/14 ALTERA REFIS DA CRISE

Editada a medida Provisória 651/14, que altera a Lei 11.941/09 (REFIS). A medida provisória foi publicada no dia 09.07.2014, trazendo alterações no prazo de adesão ao REFIS e aos percentuais de antecipação do débito.

As mudanças já eram esperadas desde a edição da Lei 12.996/2014.

O novo prazo para que o contribuinte faça a adesão é o dia 25/08/2014 (segunda feira), e não mais o dia 28.08.2014.

Já com relação aos percentuais que devem ser antecipados, a nova configuração ficou assim:

  • Para débitos cujo montante a ser parcelado seja de até R$ 1.000.000,00 (um milhão de reais), o contribuinte deve antecipar 5% (cinco por cento) do valor total.
  • Para débitos cujo montante a ser parcelado seja entre R$ 1.000.000,00 (um milhão de reais) e R$ 10.000.000,00 (dez milhões de reais), o contribuinte deve antecipar 10% (dez por cento) do valor total.
  • Para débitos cujo montante a ser parcelado seja entre R$ 10.000.000,00 (dez milhões de reais) e R$ 20.000.000,00 (vinte milhões de reais), o contribuinte deve antecipar 15% (quinze por cento) do valor total.
  • Para débitos cujo montante a ser parcelado seja acima de R$ 20.000.000,00 (vinte milhões de reais), o contribuinte deve antecipar 20% (vinte por cento) do valor total.

A antecipação pode também ser parcelada em até 5 (cinco) parcelas iguais e após, o contribuinte começar a pagar efetivamente o parcelamento no número de parcelas que aderiu.

Existe ainda a condição de deferimento do parcelamento, que será a desistência de defesas, recursos administrativos ou judiciais que visam a discussão do débito. Para discussões judiciais, a desistência da ação como requisito, exonerará o contribuinte de pagamento dos honorários advocatícios.

São mudanças simples, mas que causam um impacto significante aos contribuintes.

Aguardamos agora, a edição da Portaria Conjunta PGFN/SRFB para que o contribuinte passa fazer a adesão.

Reforçamos então, a disponibilidade do Escritório De Paula Santos Advogados para auxiliar na simulação das reduções e valores das parcelas, bem como na adesão e cumprimento dos requisitos para deferimento do parcelamento e emissão da Certidão de Regularidade Fiscal.

Ver Áreas de Atuação

Artigos

- Áreas de Atuação

  • Contencioso Corporativo Empresarial
  • Direito Cível
  • Direito Tributário
  • Direito do Trabalho
  • Direito do Consumidor
  • Direito Regulatório
  • Direito Imobiliário
  • Bancário

- Serviços Corporativos

  • Acesso pela internet ao Banco de Dados
  • Apresentações Gerenciais
  • Relatórios Detalhados
  • Disponibilização on-line de “pasta virtual” de cada demanda
  • Ferramentas de exportação da base de dados de informações processuais
  • Relatórios de Auditoria

dps@depaulasantos.adv.br

Rua Guapuruvu, 377, 2º e 3º andares -  Edifício Alphaville - Corporate Office  
Alphaville Empresarial - Campinas  - SP  - CEP:13098-322 - Tel/Fax: +55 19 3294-5333